Quero Educação compra operação brasileira de norte-americana QuinStreet

Por Alberto Alerigi Jr. (Alpha Test Reuters)

3  MIN LEITURA

São Paulo, Brasil (Alpha Test Reuters) – A companhia de tecnologia para o mercado de ensino Quero Educação anunciou nesta quinta-feira aquisição das operações brasileiras da empresa norte-americana de marketing online QuinStreet.

O valor da operação não foi revelado, mas a Quero Educação, que tem como investidores Y Combinator, Omidyar Network, Endeavor e Iporanga Investimentos, informou que o faturamento da QuinStreet no Brasil somou 27 milhões de reais no último ano.

“A QuinStreet trabalha adquirindo alunos sem a necessidade da bolsa e nós sabemos que as faculdades têm interesse em aumentar o ticket médio (valor médio pago pelos alunos)”, disse o presidente-executivo da Quero Educação, André Narciso, em comunicado. A companhia norte-americana chegou ao Brasil em 2011.

A compra ocorreu depois que a Quero Educação investiu 20 milhões de reais no buscador de colégios Melhor Escola, focado em conectar alunos a instituições.

Os negócios ocorrem em um momento em que grandes grupos de ensino privado do país, como a Cogna, ex-Kroton, investem pesado no fragmentado segmento de educação básica, considerado como nova fronteira de crescimento para o setor. Segundo dados do MEC, citados pela Quero Educação, o Brasil conta com 40 mil escolas privadas de ensino básico.

De acordo com a Quero Educação, no último ano a QuinStreet teve 60 milhões de acessos no Brasil e gerou cerca de 100 mil matrículas para alguns dos principais grupos do mercado, como Cogna, Laureate, Yduqs e Cruzeiro do Sul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.