A Internet Global está se balcanizando e até 2028 poderá se dividir em “continentes digitais” distintos

Em 2018, o ex-CEO da Google, Eric Schmidt alertou que a Internet Global estaria se bifurcando até meados de 2028, citando entre outros motivos a política chinesa e a americana de isolamento das suas redes nacionais

Flaviana Serafim (Alpha Test Fusion)

2  MIN LEITURA

São Paulo, Brasil (Alpha Test Fusion) – A previsão do ex-CEO da Google, Eric Schmidt, de que a Internet Global estaria entrando em um processo de bifurcação ou balcanização durante esta década, pode estar se confirmando num ritmo mais acelerado.

Na guerra comercial entre os Estados Unidos e a China, a disputa sobre propriedade intelectual e os padrões globais da futura rede 5G veio à tona com a prisão de Meng Wanzhou, CFO Chief Financial Officer da empresa chinesa Huawei no Canadá, no final de 2018.

No que seria uma escalada radical das tensões comerciais EUA-China, esta semana o governo do presidente Donald Trump afirmou que está considerando deslistar as empresas chinesas das bolsas de valores dos EUA.  

A medida seria parte de um esforço mais amplo para limitar o investimento dos EUA em empresas chinesas com tecnologias inovadoras de Inteligência Artificial, motivado pelas crescentes preocupações de segurança do governo Trump sobre suas atividades.

A falta de consenso ou cooperação pode agilizar o surgimento de fronteiras digitais nacionais ou continentais, que não apenas inibiriam os fluxos de dados e informações, mas também perturbariam o comércio, as cadeias de suprimentos e o investimento transfronteiriço, criando espaços digitais com diferentes protocolos técnicos que deixariam de conversar entre si, como sugeriu Eric Schmidt, incompatibilizando uma mesma rede de Internet Global.  

Este texto foi criado com apoio tecnológico de Algoritmos de Processamento de Linguagens (fase de testes Alpha), editado com intervenção profissional humana de jornalista MTb 83.170/SP, designer UIX, desenvolvedores AI/ML/NLP/NLG e playlist Iyeoka.

Flaviana Serafim

#flaviana.fusion

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.