O presidente chinês Xi Jinping reúne-se com chanceler alemã Angela Merkel

(Alpha Test Xinhuanet)

2  MIN LEITURA

Beijing, China (Alpha Test Xinhuanet) – O presidente chinês, Xi Jinping, reuniu-se na sexta-feira com a chanceler alemã, Angela Merkel, em Beijing.

A era atual está cheia de desafios e de crescentes riscos, disse Xi, acrescentando que o unilateralismo e o protecionismo representam uma séria ameaça para a paz e a estabilidade do mundo e que nenhum país pode ser imune a isso.

Como dois importantes países responsáveis, China e Alemanha necessitam mais que nunca fortalecer a comunicação, a coordenação e a cooperação estratégicas, para abordar os desafios comuns que a humanidade enfrenta.

“Isso está se tornando cada vez mais importante não só para a China e para a Alemanha, mas também para o mundo”, disse Xi.

Xi disse que as duas partes devem aderir-se ao respeito mútuo, ao diálogo e à consulta, respeitar os respectivos caminhos de desenvolvimento, atender os respectivos interesses fundamentais e ser parceiras estratégicas para o diálogo igualitário, cooperação de benefício mútuo e aprendizagem uma com a outra.

Xi enfatizou que é necessário fazer maior o bolo da cooperação entre a China e a Alemanha.

Xi assinalou que a visita de Merkel à China obteve muitos resultados de cooperação econômica e comercial, o que prova que a China cumpre o que disse sobre ampliar a abertura. Acrescentou que o mercado chinês é suficientemente grande e crescerá ainda mais à medida que a China se desenvolve, o que gerará novas oportunidades para a Alemanha e o restante do mundo.

“A cooperação industrial automotora é um bom exemplo do benefício mútuo entre os dois países”, disse.

As duas partes devem ter uma mentalidade aberta e ser previsoras, disse Xi, que pediu fortalecer a cooperação em campos emergentes como condução autônoma, veículos de nova energia, manufatura inteligente, inteligência artificial, digitalização e 5G para cultivar e explorar conjuntamente futuros mercados.

A China está acelerando a abertura de seus setores financeiro e de serviços e dá as boas-vindas ao investimento da parte alemã nesses setores, disse Xi.

Como Merkel visitará Wuhan, Xi também deu as boas-vindas às empresas alemãs para que participem da construção do Cinturão Econômico do Rio Yangtzé.

Xi pediu que os dois países se esforcem por participação e apoio amplos de parte de ambos os povos, sobretudo os jovens, no desenvolvimento das relações entre a China e a Alemanha.

Pediu que a China e a Alemanha demonstrem responsabilidade, mantenham conjuntamente a imparcialidade e a justiça internacionais, protejam o livre comércio e o multilateralismo e fortaleçam a cooperação em mudança climática e na cooperação com a África.

Merkel disse que o diálogo e a cooperação entre a Alemanha e China são amplos e que a China é o maior parceiro comercial da Alemanha. A cooperação entre os dois países está se desenvolvendo em uma direção melhor.

A Alemanha se alegra muito de compartilhar as realizações da China na ampliação de sua política de abertura e está disposta a continuar aumentando o investimento na China, ampliar as áreas de cooperação e promover os intercâmbios pessoais e culturais, disse Merkel.

Assinalou que o unilateralismo e o protecionismo também têm um impacto negativo sobre a Alemanha. Todas as partes devem trabalhar para resolver as diferenças e as fricções através do diálogo e a consulta.

A parte alemã está disposta a fortalecer a comunicação e a coordenação em assuntos internacionais com a China com o espírito do multilateralismo e o livre comércio. A Alemanha está disposta a desempenhar um papel construtivo no desenvolvimento das relações entre a União Europeia e a China, disse Merkel.

As duas partes também trocaram pontos de vista de forma aprofunda sobre os importantes temas internacionais e chegaram a amplos consensos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.