Fitbit lança dispositivos fitness de baixo custo para combater Apple e Samsung

Stephen Nellis (Reuters) (Alpha Test)

2 MIN LEITURA

(Reuters) – A Fitbit lançou um smartwatch mais barato nesta quarta-feira para defender sua posição como segunda maior vendedora de smartwatches, só atrás da Apple.

A Fitbit disse que o smartwatch Versa Lite custará 160 dólares, abaixo dos 200 dólares da versão completa. Embora ainda acompanhe os treinos e a frequência cardíaca, faltam alguns recursos, como o de armazenar músicas diretamente no relógio.

Em 2018, Fitbit vendeu 5,5 milhões smartwatches, atrás da Apple, com 22,5 milhões de unidades, mas pouco à frente da Samsung com 5,3 milhões de unidades, segundo a empresa de dados Strategy Analytics.

Mas a Samsung superou a Fitbit trimestralmente nos últimos três meses de 2018.

A rivalidade por uma fatia maior do mercado esquentou à medida que Apple e Samsung acrescentaram recursos para cuidados de saúde, o foco central da Fitbit. O Apple Watch incluiu um recurso de eletrocardiograma no ano passado e a Samsung este ano adicionou um sensor de pressão arterial ao Galaxy Active Watch.

A Fitbit está tentando persuadir investidores de que pode vender dispositivos futuros se os usuários os colocarem na sua plataforma de acompanhamento, que pode armazenar e compartilhar dados de saúde e exercícios. O presidente-executivo da empresa, James Park, disse antes do lançamento do produto que a empresa tem cerca de 28 milhões de usuários ativos.

No mês passado, a Fitbit previu receita no primeiro trimestre entre 250 milhões e 268 milhões de dólares, abaixo da expectativa média de vendas de analistas, de 272,3 milhões, segundo dados do IBES da Refinitiv.